Garanta menos custo e mais produtividade na colheita do café

Derriçadeira

Equipamento indispensável para a colheita do café, a derriçadeira, também conhecida como mãozinha de colheita, tem sido uma excelente aliada de pequenos e médios produtores diante da escassez de mão de obra nas lavouras. Com ela, é possível aumentar a produtividade em até 4 vezes quando comparada à colheita manual, e reduzir custos em 40%.

O nome mãozinha é porque o equipamento tem o formato de uma mão, cujos dedos, ao vibrarem, são responsáveis por fazerem os grãos caírem dos pés de café.

Tipos de derriçadeira

A derriçadeira é movida por motor de 2-4 tempos. Ela pode ser do tipo costal ou lateral. Existem vários modelos no mercado, uns com ligação direta, outros com kit para adaptar na roçadeira. Os principais fabricantes/distribuidores são: Dakimaq, Honda, Huskqvarna, Kawashima, Makita, Shindaiwa e Nakashi.

Atualmente, além do acessório em forma de uma mão, vibrando lateralmente, existem modelos com derriçador duplo, com o dobro do número de dedos.

Mais eficiência

As derriçadeiras motorizadas manuais derrubam bem os frutos maduros e secos, sendo menos eficientes na queda de frutos verdes. Para derrubar mais os verdes deve-se trabalhar mais forte com a máquina, o que aumenta a desfolha e o desgaste.

Esse tipo de equipamento facilita a movimentação do operador e atua bem em partes altas das plantas e em lavouras abertas. O rendimento das máquinas vai depender do espaçamento da lavoura, da carga pendente e a maturação, além do nível de prática do operador.

É comum o trabalho em duplas, um trabalhador colocando o pano e recolhendo o café derriçado e o outro operando a máquina. No entanto, a prática faz surgirem novas formas de utilização. Deve-se usar panos maiores, operar a derriçadeira através de movimentos contínuos à haste, de dentro para fora da planta. Neste movimento, aproveitar a aceleração quando a haste estiver derriçando os ramos e descansar o motor quando mudar para outra posição.

Com o tempo e uso extensivo é possível concluir que as derriçadeiras economizam mão de obra; possibilitam maior rendimento de colheita; reduzem custo; produzem menor desfolha da planta; e permitem maior ganho para os trabalhadores.

Deixe um Comentário